fbpx

✅ Redes Sociais

🌎 Mapa

Blog

FAPESC divulga os aprovados na fase de admissibilidade do Prêmio Inovação Catarinense; Orion Parque concorre em quatro categorias

Já são conhecidos os 137 projetos que concorrem ao Prêmio Inovação Catarinense – professor Caspar Erich Stemmer, realizado pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc). A divulgação das propostas aprovadas na fase de admissibilidade ocorreu em dezembro passado. Ainda no início de 2021 serão divulgados os finalistas e os vencedores serão conhecidos em cerimônia sem data definida por enquanto, mas que ocorrerá depois de março de 2021, pelo menos.

O Prêmio Inovação Catarinense foi criado pela Lei 14.328, de 2008 (Lei Catarinense de Inovação) e dispõe sobre incentivos à pesquisa científica e tecnológica e à inovação no ambiente produtivo, visando à capacitação em ciência, tecnologia e inovação, permitindo o equilíbrio regional e o desenvolvimento econômico e social sustentável do Estado de Santa Catarina. A premiação homenageia a memória do Professor Caspar Erich Stemmer, personalidade catarinense de destaque nacional no desenvolvimento da ciência, da tecnologia e da inovação. O Prêmio incentiva e reconhece os esforços bem-sucedidos de gestão da inovação que auxiliem no desenvolvimento dos ecossistemas de empreendedorismo inovador no Estado de Santa Catarina.

O objetivo do prêmio é destacar trajetórias de personalidades e instituições que colaboraram para o desenvolvimento da inovação em Santa Catarina. Os primeiros lugares serão contemplados com R$ 15 mil, R$ 10 mil e R$ 5 mil, respectivamente. Também serão entregues troféus e certificados aos vencedores.

Entre os objetivos, destacam-se selecionar pessoas, equipes de pesquisa, instituições, órgãos públicos estaduais e municipais e empresas catarinenses que se destacaram por seus esforços na conversão do conhecimento em inovação, gerando significativa contribuição ou impacto para a sociedade catarinense, e também agraciar e valorizar a implementação de um produto (bem ou serviço) novo ou significativamente melhorado, ou um processo ou um novo método de marketing ou um novo método organizacional nas práticas de negócios, na organização do local de trabalho ou nas relações externas.

Orion Parque na disputa

Na edição 2019 do Prêmio Inovação Catarinense, a sócia-proprietária da Scienco, professora do CAV-UDESC Maria de Lourdes Borba Magalhães, foi uma das premiadas

Nas onze categorias de premiação, o Orion Parque – liderado pelo Instituto Orion (gestor da operação do Orion Parque Tecnológico e do Centro de Inovação Luiz Henrique da Silveira) ou empresas residentes – concorre em quatro categorias na edição 2020. O Presidente do Orion Parque, empresário Valmir Tortelli, é o nosso representante.   

“Já não é a primeira vez que o Orion está representado. Ano passado teve empresas do Orion que foram reconhecidas, foram premiadas e estão concorrendo novamente, em outras categorias. Isso mostra que o Orion está presente e que esse ano estamos presente em novas categorias, inclusive. Só isso já mostra o impacto do que estamos fazendo”, ressalta o diretor-executivo Claiton Camargo.

“É importante salientar que temos empresas, startups e o próprio Orion está concorrendo, mas o que realmente teve um impacto muito significativo foi o Plano de Mitigação junto à Prefeitura, durante a maior parte dos meses de 2020. Foi algo totalmente diferente, no período da pandemia, e isso fez com que a gente pudesse colher excelentes frutos. Esse impacto que causou na cidade, sendo reconhecido na FAPESC, é muito significativo para que isso possa também servir de exemplo para os outros Centros de Inovação”, lembrou ele.

Confira as categorias abaixo e os concorrentes do Orion na premiação, em cada uma delas:

  1. Agente da Inovação (professores pesquisadores)
  2. Professor Inovador (professores da educação básica)
  3. Jovem Inovador (estudantes da educação básica)
  4. Projeto Acadêmico Inovador (estudantes de graduação)
  5. Inventor Independente (sem vínculo com instituições)
    8. Inovação em Produtos (iniciativa privada)
    10. Inovação de Impacto Socioambiental (iniciativa privada e organizações da sociedade civil)

6. Empresa Inovadora

– Anmer Machado – Betha Sistemas LTDA

– Deinyffer Marangoni Quarti – Associação Empresarial de Içara (ACII)

– Gustavo dos Santos De Lucca – Associação Beneficente da Indústria Carbonífera de Santa Catarina (SATC)

– João André Ozório – Yak Tractors Comércio e Serviços LTDA

– Joni Hoppen dos Santos – Aquarela Inovação Tecnológica do Brasil Ltda ME

– Karollyne Correia – CIA Industrial H Carlos Schneider

– Marcio Muxfeldt – Amo Sistemas LTDA

– Maria Beatriz da Rocha Veleirinho – NanoScoping – Soluções em Nanotecnologia LTDA

– Mariana Hames Joenck – Softplan Planejamento

– Ramon Cardeal Silva – NC Comunicações SA

– Rodrigo Holl – Dotse Desenvolvimento e Comércio de Software LTDA

– Soraia de Freitas Gomes Zonta – BioArt Biocosméticos LTDA ME

– Thiago Hess dos Santos – Tupinamba SA

Valmir Marcos Tortelli – Scienco Biotech LTDA

7. ICT Inovadora (instituições de ensino, pesquisa e tecnologia)

– Alfredo Kleper Chaves Lavor – Sinova UFSC

– Carla de Almeida Martins Basso – Smart Campus UNOESC

– Celso Paulo Costa – UNOESC Solidária

– Charles Adriano Duvoisin – Instituto Brasileiro de Ciências e Inovações (IBCI)

– Daphne Blaese de Amorim – Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (CERTI)

– Janice Reis Ciacci Zanella – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

– Leandro Hupalo – Prefeitura Municipal de Videira

– Régis Henrique Gonçalves Silva – LabSolda UFSC

– Rodrigo Alexandre Mafra – Associação Join.Valle

– Victor Ferro Mazzuco – Associação Beneficente da Indústria Carbonífera de Santa Catarina (SATC)

– Vincenzo Francesco Mastrogiacomo – Fundação Universitária do Desenvolvimento do Oeste

– Vinicyus Rodolfo Wiggers – Fundação Universidade Regional de Blumenau

Valmir Marcos Tortelli – Instituto Orion

9. Inovação em Serviço ou Processo (empresas)

– Carlos Coutinho Fernandes Junior – BRF SA

– Daphne Blaese de Amorim – Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (CERTI)

– Eduardo Anibal Blanco – Didática Tecnologias Educacionais

– Felippe Thiago Petry da Silva – Prix Tech Software LTDA

– Gustavo Bachmann – Agrize – Sistemas Agrícolas Aéreos Não Tripulados

– Leandro Dela Piccolla – Fundação Universidade do Oeste de Santa Catarina

– Mariana Hames Joenck – Softplan Planejamento e Sistemas LTDA

– Poliana Pieckarski de Almeida – FIESC – Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina

– Regina Celis Lopes Affonso – Sinergia Botânica

– Thais Rosana Cugnier Machado – Metalúrgica Riosulense S.A.

Valmir Marcos Tortelli – Camaro TDH – Treinamento e Desenvolvimento Profissional e Gerencial LTDA

11. Governo Inovador (órgãos públicos municipais e estaduais)

– Aldo Baptista Neto – Defesa Civil

– Gilson Lucas Bugs – Junta Comercial do Estado de Santa Catarina

– Guilherme Gonçalves da Silva – Prefeitura Municipal de Blumenau

– Luana Emmendoerfer – Agencia de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina

– Luana Ratti Da Silva – Prefeitura do Município de Joaçaba

– Luís Guilherme de Lima Veronese – Casa Militar

– Murilo Allan Sodré de Souza – Município de Itajaí

– Rodrigo Ponick – Fundo Municipal de Saúde de Joinville

– Tiago Fagonde de Moraes – Município de Luzerna

– Vítor Fungaro Balthazar – Secretaria de Estado da Educação

Valmir Marcos Tortelli – Secretaria Municipal de Educação de Lages

Confira a relação completa neste link.

#FAPESC, #FAPESC.SC, #SDEGOVSC e #GOVERNOSC

@Fapesc.sc, @sdegovsc e @governosc.

Com informações FAPESC

Sem comentários
Poste um Comentário

1 × um =