Orion Parque

Inscrições abertas para integração da rede aberta de Internet das Coisas, em Lages,  por meio do IFSC Campus Lages  

 Estão abertas as inscrições para a chamada pública simplificada 01/2024 do Agro Tech Lab, laboratório de Desenvolvimento de Tecnologias para o Agronegócio do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) para a seleção de empresas e instituições públicas interessadas em integrar a rede aberta de Internet das Coisas, do município de Lages. As inscrições encerram em 25 de abril de 2024. 

Situado no Orion Parque Tecnológico, no prédio do Centro de Inovação Luiz Henrique da Silveira,  o Agro Tech Lab é um laboratório de pesquisa, extensão e inovação do IFSC Campus Lages, que trabalha com o propósito de desenvolver tecnologias para o agronegócio, bem como as tecnologias de comunicação que são fundamentais para o desenvolvimento das pesquisas como o protocolo LoRa/LoRaWAN, sendo o segundo o protocolo que define a arquitetura do sistema e os parâmetros de comunicação usando a tecnologia LoRa.

O protocolo LoRa/LoRaWAN tem sido adotado como um padrão de comunicação para IoT (Internet das coisas) em ambientes industriais, comerciais, agrícolas, residenciais e no contexto de cidades inteligentes, se tornando um dos principais protocolos LPWAN (Low Power Wide Area Network). Em outras palavras, o protocolo LoRa/LoRaWAN é uma tecnologia de radiofrequência que permite comunicação a longas distâncias, com consumo mínimo de energia, por meio de aplicações do sistema IoT, como sensores e monitores remotos. 

O coordenador do Agro Tech Lab, Robson Costa comenta que a Chamada Pública é um marco no desenvolvimento de soluções baseadas em Internet das Coisas (IoT), seja no âmbito de cidades inteligentes, agronegócio, indústria ou comércio e que no contexto de cidades inteligentes, o benefício é direto e claro para toda a população de Lages “ Ao criarmos um ambiente propício e facilitador para o desenvolvimento de soluções IoT, teremos o surgimento de novos produtos, bem como novas empresas na cidade de Lages. Isso resulta na demanda de mão de obra especializadas, novos empregos, aumento do fluxo econômico da cidade e uma melhoria de vida e oportunidades para a população”.

O AgroTechLab possui três gateways LoRa/LoRaWAN em operação no município de Lages. A expansão desta rede aberta poderá permitir uma cobertura total da área urbana da cidade, bem como prover redundância em algumas áreas de cobertura, melhorando sua disponibilidade. Espera-se simplificar e incentivar, por parte de empresas e instituições públicas da região, o desenvolvimento, implantação e adoção de soluções IoT que fazem uso desta tecnologia de comunicação, tanto para o agronegócio como para cidades inteligentes. 

A grande novidade é que as instituições e empresas selecionadas pelo edital participarão de um workshop, realizado pelo AgroTechLab, sobre a tecnologia LoRa/LoRaWAN direcionado para as demandas de cada uma das instituições. Com a efetivação do edital, as empresas já começam a trabalhar na infraestrutura de comunicação que é um dos principais desafios no desenvolvimento de IoT e com uma infraestrutura aberta e gratuita, o processo de desenvolvimento, teste e validação de novas soluções é potencializado. 

“Esperamos observar o surgimento de diversas soluções de IoT pelas empresas da região, assim como esperamos o desenvolvimento de Trabalhos de Conclusão de Curso neste áreas, independentemente de cursos ou instituições de ensino, uma vez que a rede LoRa/LoRaWAN será de acesso público”, finaliza Robson Costa.

O lançamento das inscrições para a seleção de empresas e instituições que tenham interesse em participar da ampliação dos protocolos e a efetivação do edital é a fundamentação do desenvolvimento tecnológico da região, mais especificamente do município de Lages, contribuindo para o cenário de agronegócio que representa uma grande parcela do desenvolvimento econômico da região, além de fortalecer a ideia de cidades inteligentes. 
As inscrições estão abertas e para saber acesse o link:  https://plid.in/vX1qo

Deixe um comentário