fbpx

 

Siga a gente nas redes sociais!

Blog

Orion Parque divulga ações dos ODS neste mês de setembro

Iniciado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2015 e reconhecido como uma iniciativa mundial para transformar o Mundo até 2030, com uma Agenda Sustentável de Desenvolvimento (ODS), os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável fazem parte de um documento que visa colocar o mundo em um caminho mais sustentável e resiliente até o final da década.

Observando o trabalho desenvolvido no mundo, e coerentemente com as ações encampadas pelo Orion Parque através de suas iniciativas de inovação social – tanto do Orion Connect como da Aceleração de Projetos Sociais e empoderamento feminino – , as redes sociais do Parque Tecnológico apresentam no mês de setembro, durante 19 dias, conteúdos produzidos pelo Movimento Nacional ODS Santa Catarina.

O Movimento  Catarinense tem a missão de facilitar a incorporação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no dia a dia das pessoas e na prática das organizações catarinenses. É constituído por voluntários, de caráter apartidário, plural e ecumênico, com a finalidade de contribuir para a melhoria da qualidade de vida da sociedade catarinense visando o cumprimento da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, buscando a construção de uma sociedade melhor, socialmente inclusiva, ambientalmente sustentável e economicamente equilibrada.

Os 17 ODS e as 169 metas sobre cada um dos objetivos são relacionados a determinados aspectos:   

  • 01 – Erradicação da pobreza: acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares.
  • 02 – Fome zero e agricultura sustentável: acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável.
  • 03 – Saúde e bem-estar: assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades.
  • 04 – Educação de qualidade: assegurar a educação inclusiva, e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.
  • 05 – Igualdade de gênero: alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas.
  • 06 – Água limpa e saneamento: garantir disponibilidade e manejo sustentável da água e saneamento para todos.
  • 07 – Energia limpa e acessível: garantir acesso à energia barata, confiável, sustentável e renovável para todos.
  • 08 – Trabalho decente e crescimento econômico promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo, e trabalho decente para todos.
  • 09 – Inovação infraestrutura: construir infraestrutura resiliente, promover a industrialização inclusiva e sustentável, e fomentar a inovação.
  • 10 – Redução das desigualdades: reduzir as desigualdades dentro dos países e entre eles.
  • 11 – Cidades e comunidades sustentáveis: tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.
  • 12 – Consumo e produção responsáveis: assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis.
  • 13 – Ação contra a mudança global do clima: tomar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos (*).
  • 14 – Vida na água: conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares, e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável.
  • 15 – Vida terrestre: proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da Terra e deter a perda da biodiversidade.
  • 16 – Paz, justiça e instituições eficazes promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.
  • 17 – Parcerias e meios de implementação: fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.

(*) Reconhecendo que a Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC) é o fórum internacional intergovernamental primário para negociar a resposta global à mudança do clima. 

Na Serra Catarinense, além do Orion Parque, a Associação dos Pais e Amigos dos Autistas  – AMA, de Campos Novos, e a Klabin, de Otacílio Costa, são também signatários. Pessoas físicas também podem se associar ao movimento, gratuitamente, neste link

Para Raul Capistrano, líder do setor de Programa e Ações do Orion Parque e coordenador local do comitê Lages do Movimento ODS Santa Catarina, enquanto Parque Tecnológico fomentador do espírito empreendedor, engajar-se nas diretrizes é importante para mobilizar e articular ainda mais as ações de inovação social que o Orion encampa. Além disso, para outras instituições, associar-se à iniciativa gera impactos que vão além de uma simples honraria.

“É importante que que as instituições olhem para os ODS com bons olhos e permita o máximo possível alinhar suas ações, gerando impacto positivo. Os ODS são basicamente um planejamento até 2030, com o propósito de desenvolver um mundo melhor, mais inclusivo e sustentável. É uma agenda global e é importante que todas instituições, público ou privadas, entendam e tentem se adequar”, ressaltou. 

A campanha de setembro do Movimento ODS SC propõe levar mensagem de um futuro desejável, onde todas os objetivos e metas sejam cumpridos, para podermos  viver em um lugar melhor.

“O desenvolvimento sustentável é necessário para que possamos aproveitar os recursos disponíveis para as nossas gerações, sem comprometer que outras pessoas tenham dificuldades de conseguir o mesmo acesso no futuro”, lembrou Raul.

Sem comentários
Poste um Comentário