fbpx

Redes Sociais

Mapa

A vencedora da licitação para realização do projeto foi a empresa Prosul, de Florianópolis, que entregou o projeto em dezembro de 2012. Foi necessário realizar alguns ajustes no projeto, e na administração do prefeito Elizeu Mattos foi assinado a ordem de serviço para construção do prédio central no dia 19 de julho de 2013, na ACIL.

Em 2009, a ACIL solicitou ao Departamento de Arquitetura da Universidade Federal de Santa Catarina, um projeto arquitetônico. Ao mesmo tempo, iniciaram as negociações do terreno da Embrapa, uma área de 89 mil metros quadrados, para a construção do Órion Parque. Após muitas articulações e com o auxílio do então secretário de Agricultura, Antônio Ceron, o Governo do Estado, em parceria com a Prefeitura de Lages (na gestão de Renato Nunes de Oliveira), efetivou a compra. O terreno foi escriturado em março de 2011.

 

No final do mesmo ano, o Governador Raimundo Colombo assinou um convênio para repasse de R$ 5 milhões, através da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina – FAPESC (entidade comandada pelo lageano Sérgio Gargioni) para a elaboração do projeto final e da construção do prédio central. A Prefeitura ficou responsável pela contrapartida de R$ 1,2 milhão.

A vencedora da licitação para realização do projeto foi a empresa Prosul, de Florianópolis, que entregou o projeto em dezembro de 2012. Foi necessário realizar alguns ajustes no projeto, e na administração do prefeito Elizeu Mattos foi assinado a ordem de serviço para construção do prédio central no dia 19 de julho de 2013, na ACIL.